Grupo Familiar De Crescimento - O Método de Evangelização da Igreja Primitiva - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Grupo Familiar De Crescimento - O Método de Evangelização da Igreja Primitiva

Evangelismo e Missões
_________

Grupo Familiar de Crescimento o Método de Evangelização da Igreja Primitiva

Atos 11:19:30

INTRODUÇÃO
 
A Igreja do Senhor nasceu assim: Nas casas dos irmãos, priorizando sobretudo o Reino de Deus. Todos tinham o mesmo objetivo: O crescimento da Igreja com salvação de almas e a presença do avivamento constante. Amor aos irmãos, obediência aos que lideravam, e o zelo para que àquela chama acesa lá no passado, conforme Levítico 6:13 se mantivesse acesa, não somente entre eles, mas, nas suas posteridades também.
 
ESBOÇO
 
01. - A proposta de Deus no princípio - Gn 22:15-18:
 
“Então, o Anjo do SENHOR bradou a Abraão pela segunda vez desde os céus  e disse: Por mim mesmo, jurei, diz o SENHOR, porquanto fizeste esta ação e não me negaste o teu filho, o teu único,  que deveras te abençoarei e grandissimamente multiplicarei a tua semente como as estrelas dos céus e como a areia que está na praia do mar; e a tua semente possuirá a porta dos seus inimigos.  E em tua semente serão benditas todas as nações da terra, porquanto obedeceste à minha voz.”
 
02. - Multiplicar não é simplesmente somar, dividir e nem subtrair. Multiplicar é:  acrescentar,  acrescer,  adicionar,  agigantar,  agravar,  altear,  ampliador,  amplificar,  atear, avolumar,  avultar,  carregar,  centuplicar
 
03. - E crescia a Palavra de Deus, e em Jerusalém se multiplicava muito o número dos discípulos - At 6:7:
 
Jesus disse aos apóstolos que eles deveriam testemunhar primeiro em Jerusalém (1:8). Em pouco tempo, o evangelho foi divulgado à cidade inteira, e a todas as classes sociais. Até alguns sacerdotes se converteram; uma violação óbvia dos ditames do Sinédrio que traria riscos à posição deles. (Atos 6:7).
 
A Palavra de Deus se expandiu como ondulações em uma lagoa tranquila, onde, de um único centro, cada onda toca a próxima, favorecendo a difusão mais ampla e de maior alcance. As Boas Novas ainda se espalham deste modo hoje. Você não tem que mudar o mundo sozinho; é suficiente ser parte da onda. Tocar aqueles que estão ao seu redor, que por sua vez tocarão outros, até que todos sintam o movimento. Nunca pense que sua parte é insignificante ou sem importância!
 
04. - Consequentemente os milagres de Deus entre eles aconteciam normalmente, sem campanhas e sem ofertas em dinheiro para isto. Todas as coisas decorriam dentro das normalidades do dia a dia da Igreja, inclusive os milagres – Atos 6:8.
 
O pré-requisito mais importante para qualquer tipo de serviço cristão é estar cheio de fé e do poder do Espírito Santo. Por este poder, Estêvão foi um servo sábio (Atos 6:3), um realizador de milagres (Atos 6:8), e um evangelista (Atos 6:10). Pelo poder do Espírito, você pode colocar em prática os dons que Deus lhe deu que Ele te honrará fazendo seu trabalho prosperar.
 
05. - Voz de Deus e não de homem, esse era o clamor do povo perante o rei orgulhoso, e a Igreja crescia. Os homens podiam falar sim, mas, como exclusivos representantes de Deus - Atos 12:21-24.
 
As cidades costeiras de Tiro e Sidom eram livres, mas dependiam economicamente da Judéia (veja sua localização no mapa na abertura do livro de Atos). Não sabemos por que Herodes discutiu com os líderes de Tiro e Sidom, mas somos informados de que eles tentaram manter a paz. Atos 12:23 - Herodes teve uma morte horrível; sentiu uma dor intensa; foi literalmente devorado vivo, de dentro para fora, por vermes. Este tipo de morte era considerada uma das mais infames. O orgulho é um pecado sério, por isto Deus escolheu punir Herodes imediatamente. Deus não castiga todos os pecados imediatamente, mas levará todos a julgamento (Hb 9:27). Aceite a oferta do perdão de Cristo hoje. Ninguém deve demorar a aceitá-lo! Atos 12:25 - João Marcos era primo de Barnabé (Cl 4:10). Sua mãe, Maria, frequentemente colocava sua casa à disposição dos apóstolos (Atos 12:12); por esta razão, João Marcos deve ter conhecido a maioria dos grandes lideres da Igreja Primitiva e desfrutado de seus ensinamentos. Mais tarde, ele se uniu a Paulo e Barnabé na primeira viagem missionária mas, por razões desconhecidas, deixou-os no meio da viagem. Joao Marcos foi criticado por Paulo em virtude de ter abandonado a missão (Atos 15:37-39), porém escreveu o Evangelho que leva o seu nome e, mais tarde foi reconhecido por Paulo como um ajudante vital para o crescimento da Igreja Primitiva (2 Tm 4:11).
 
Como pôde o apóstolo Paulo, em tão pouco tempo, evangelizar os principais centros do Império Romano e, finalmente, instalar-se em Roma com a irresistível mensagem do Evangelho? Ou melhor: como pôde um único homem revolucionar toda a sua época? A resposta não exige muita abstração. Em primeiro lugar, era Paulo um mensageiro extraordinário do Senhor, através do qual foi o evangelho universalizado. Além disso, utilizou-se ele da infraestrutura do império para viajar de cidade em cidade, de província  em província e de reino em reino. Providencialmente, não precisava de nenhum passaporte especial, era um cidadão romano. Somente um DEUS, que é a mesma sabedoria, haveria de predispor todas as coisas a fim de que a mensagem da cruz chegasse aos confins da terra. Em Antioquia, o apóstolo Paulo desempenhou uma importante etapa de seu ministério. E daqui, partiu ele para a sua primeira viagem missionária. Após o Concílio de Jerusalém, retornou à cidade com as resoluções tomadas pelos apóstolos e anciãos (At 15:23). Sua segunda viagem missionária também teria Antioquia como ponto de partida. Atualmente, Antioquia não passa de uma modesta povoação. Para nós, no entanto, será conhecida sempre como a Igreja missionária por excelência" (ANDRADE, I Claudionor de. Geografia Bíblica. II.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2001, pp.227
 
06. - Assim pois, as Igrejas em toda a Judeia, Galileia, Samaria e adjacências tinham paz e eram edificadas. Essa paz e essa edificação provinham tão simplesmente por eles falarem somente de Jesus, Jesus! Jesus! Jesus! E da Sua Incomensurável Graça Salvadora – At 9:31.
 
07. - A infeliz doença de mandar ainda não havia aparecido, mas também não demorou tanto para aparecer. Essa doença de mandar já começou visando o lado administrativo da Igreja e com prioridade ao financeiro. Mesmo agora, no fim dos tempos, os sintomas desta doença é o mesmo que apareceu nos adversários de Neemias, enquanto era reconstruído os muros da cidade santa, Jerusalém: Sambalate, o horonita; Tobias, o amonita, e Gesém, o arábio (Neemias 2:19). Com presença desta afecção, as necessidades dos crentes passaram a ser postas de lado. O evangelismo já não era mais a causa principal do existir. Apesar de Judas já tivesse se manifestado antes, outros perturbadores apareceram ainda nos dias de Paulo, mas, nem por isso a Igreja do Senhor fracassou.
 
CONCLUSÃO
 
Aquela forma de se reunir em Igreja, tinha por objetivo estabelecer às normas pelas quais esta deveria se nortear até os dias do fim. Cada membro tinha em mente a forma de receber bênçãos em conformidade com aquelas prescritas por Jesus em Mateus 6:33: “Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.” Tanto que entre eles não havia necessitado algum, Atos 4:34. Eles mantinham suas vidas em santidade, motivo pelo qual, o fervor da oração não se apagava - Atos 4:31: “Tendo eles orado, tremeu o lugar onde estavam reunidos; todos ficaram cheios do Espírito Santo e, com intrepidez, anunciavam a palavra de Deus”.
 _________

 
Jorge Albertacci 
Assembleia de Deus do Retiro
Volta Redonda 
Rio de Janeiro

Fonte de Pesquisa: Bíblia Sagrada 3.0 – ARC/1995 – SBB – Rio de Janeiro
Bíblia Sagrada Aplicação Pessoal CPAD - Rio de Janeiro
E-mail: prjorgealbertacci@yahoo.com.br

 

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal