A Casa de Deus - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

A Casa de Deus

Esboços
A CASA DE DEUS
Salmo 84:1-4
 
“Eu amo SENHOR, a habitação da tua casa
e o lugar onde a tua glória assiste” - Salmo 26:8

____________________________________________________________________

INTRODUÇÃO

A primeira vez que tive  oportunidade de entrar na Casa de Deus em atenção a um convite (uma ordem) do meu saudoso pai, Sr. Romualdo Albertassi fiquei por demais embevecido por nunca ter visto nada igual. Notei diferença em tudo, a começar pelo porteiro até ao Pastor Camilo José Peclat que nessa reunião celebrava a Santa Ceia do Senhor. Era a Santa Ceia do mês de março de 1958, na Congregação da Assembleia de Deus em Celina, município de Alegre, ES. Além de mim, meu pau levou mais dois dos seus emprgados: José Toledo e Geassy Rosa da Silva - foi uma noite de grande alegria naquela Congregação, pois além de nós três, outras três pessoas rederam-se ao pés do Divino Mestre. Com o decorrer do tempo, cada um de nós tomou o seu rumo, e atualmente só tenho comunicação com o Pastor Geassy que há muitos anos pastorea a Assembleia de Deus em Senador Camará, na cidade do Rio de Janeiro, RJ. Neste caso, a primeira vez que tive acesso aos Átrios do Senhor, marcou a minha vida de forma indelével, bem como as dos meus companheiros. A partir de então, senti sobre os meus ombros o pesso da resposabilidade de fazer notório o Reino de Deus entre os homens. Considerando não somente o duplo imperativo de Jesus que disse: Ide e Pregai e Ide e Anunciai, mas, também, o Seu sofrimento no cruento Calvário, com a finalidade única de apagar o pecado de todos quantos o aceitarem como único e suficiente Salvador.

____________________________________________________________________

ESBOÇO

 
ISAQUE MANDA JACÓ IR À CASA DE SUA TIA
 
“E temeu e disse: Quão terrível é este lugar! Este não é outro lugar senão a Casa de Deus; e esta é a porta dos céus” – (Gênesis 28:17).
 
OS FILHOS DE CORÉ – COMO O CERVO
 
“Quando me lembro disto, dentro de mim derramo a minha alma; pois eu havia ido com a multidão; fui com eles à Casa de Deus, com voz de alegria e louvor, com a multidão que festejava” - (Salmos 42:4).
 
UMA COISA PEDI – DAVI
 
“Uma coisa pedi ao SENHOR e a buscarei: que possa morar na Casa do SENHOR todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do SENHOR e aprender no seu templo” – (Salmos 27:4).
 
A FELICIDADE DOS QUE HABITAM NA CASA DE DEUS – CORÉ
 
“Quão amáveis são os teus tabernáculos, SENHOR dos Exércitos!   A minha alma está anelante e desfalece pelos átrios do SENHOR; o meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo.  Até o pardal encontrou casa, e a andorinha, ninho para si e para a sua prole, junto dos teus altares, SENHOR dos Exércitos, Rei meu e Deus meu.  Bem-aventurados os que habitam em tua casa; louvar-te-ão continuamente” (Selá) - (Salmo 84:1-4).
 
O VALOR DA CASA DE DEUS – ATÉ EM ESTAR À PORTA
 
“Porque vale mais um dia nos teus átrios do que, em outra parte, mil. Preferiria estar à porta da Casa do meu Deus, a habitar nas tendas da impiedade” – (Salmos 84:10).
 
O SALMISTA APONTA PARA A ENTRADA DOS JUSTOS
 
“Esta é a porta do SENHOR, pela qual os justos entrarão” - (Salmos 118:20).
 
DAVI JÁ SE SENTIA ALEGRE ATÉ EM RECEBER O CONVITE
 
“Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do SENHOR!”
– (Salmos 122:1).
 
A EMPOLGAÇÃO DE PEDRO NO MONTE DA TRANSFIGURAÇÃO
 
“E Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, façamos aqui três tabernáculos, um para ti, um para Moisés e um para Elias” – (Mateus 17:4).
 
JESUS PROMETE IR À CASA DO PAI PREPARAR-NOS LUGAR
 
“Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.  Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito, pois vou preparar-vos lugar.  E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez e vos levarei para mim mesmo, para que, onde eu estiver, estejais vós também” - (João 14:1-3).
 
PEDRO PREFERIU FICAR COM JESUS
 
“Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna” – (João 6:68).
 
A CASA DE DEUS - CASA DE ORAÇÃO
 
“E os ensinava, dizendo: Não está escrito: A minha casa será chamada por todas as nações casa de oração? Mas vós a tendes feito covil de ladrões- (Marcos 11:17).
 ____________________________________________________________________

CONCLUSÃO
 
“Entrarei na tua casa e me prostrarei diante do teu santo templo no teu temor” - Salmos 5:7

Na verdade, na atual dispensação, a casa de Deus somos nós mesmos, como a Palavra afirma: “santuário do Espírito Santo” - (1Coríntios 3.16). Contudo, o local onde como Igreja congregamos, nosso lugar de adoração, pode ser chamado de templo também e deve ser respeitado por todos os santos como um lugar especial para Igreja sentir a presença de Deus. Onde nos reunimos com nossos irmãos e onde aprendemos e passamos pelas maiores experiências de nossas vidas, não podendo, todavia ser considerado o templo do Senhor como qualquer outro lugar, senão a casa de Deus.

Meu principal objetivo neste estudo é incentivar o povo de Deus a devotar todo respeito à casa do Senhor. Onde os santos se reúnem pra buscar a Deus em oração. Para prestar louvores ao Seu santo nome. Para celebrar a Santa, enfim, para prestar a honra que lhe é devida.
 
Entendo perfeitamente que “O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens” - Atos 17: 24. É obvio que neste versículo, Paulo estava exortando os Atenienses pela pluralidade de altares erigidos por toda cidade. Sendo que cada um desses altares era para prestar culto a um deus. Duas coisas impulsionavam os Atenienses em manterem esses altares na cidade: a – Uma coisa é que eles esperavam serem abençoados por esses deuses; b – Outra coisa é que eles tinham medo de serem amaldiçoados por eles. Daí, a pluralidade de altares, bem como de deuses. Todavia, entre tantos altares, Paulo encontrou um, ao Deus desconhecido – ao Deus Eterno – ao Deus do Céu. Em face a essas discrepâncias foi que Paulo passou a lhes orientar que o Deus que fez todas as coisas não habita nesses lugares, assim como, eles pensavam.
A alusão do apóstolo do Senhor neste versículo, sugere-nos a meditar também em Isaías 61:1-2:
 
“Assim diz o SENHOR: O céu é o meu trono, e a terra, o escabelo dos meus pés. Que casa me edificaríeis vós? E que lugar seria o do meu descanso? Porque a minha mão fez todas estas coisas, e todas estas coisas foram feitas, diz o SENHOR; mas eis para quem olharei: para o pobre e abatido de espírito e que treme diante da minha palavra”
 
Que o Espírito Santo de Deus, possa encontrar corações vazios, para fazer destes corações, Sua habitação.
   
 ____________________________________________________________________


Jorge Albertacci
Pastor Emérito da Assembleia de Deus do Retiro
Volta Redonda - Rio de Janeiro
 
 
 
 
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal