Não Seria Mais Cômodo Deixar Para Amanhã? - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Não Seria Mais Cômodo Deixar Para Amanhã?

Estudos Bíblicos II
_______________

Êxodo 8:8-10

O crente em Cristo não pode ser igual a Faraó que quando a coisa apertou para o lado dele com segunda das dez pragas, que da parte de Deus castigou o Egito, ele chamou a Moisés e a Arão e disse: ORAI AO SENHOR QUE TIRE DE MIM E DO MEU POVO AS RÃS; depois, deixarei vocês irem com o povo, para que sacrifiquem ao SENHOR onde melhor lhes aprouver. E Moisés disse a Faraó: Tu tenhas glórias sobre mim. QUANDO ORAREI POR TI, E PELOS TEUS SERVOS, e por teu povo, para tirar as rãs de ti e das suas casas, de sorte que somente fiquem no rio? E FARAÓ RESPONDEU: AMANHÃ! Então Moisés lhe disse: Seja conforme a tua palavra, para que saibas que ninguém há como o SENHOR, nosso Deus.

NO NOSSO CASO

No Livro de Eclesiastes 9:10, lemos: “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra, nem indústria, nem ciência, nem sabedoria alguma.”  Estas foram palavras do grande sábio Salomão. Na mesma linha de pensamento, Jesus, na intenção de nos prevenir de uma surpresa desagradável no futuro, disse: “Convém que eu faça as obras daquele que me enviou, enquanto é dia; a noite vem, quando ninguém pode trabalhar. Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também.” (João 5:17; 9:4).
 
ANTES QUE A NOITE CHEGUE
 
Pior do que a chegada da noite pela velhice, quando aparece o desânimo, a fraqueza, a diabetes, o AVC, a incontinência ou a retenção urinária, a hiperplasia prostática, o esquecimento, o cansaço nas pernas e no peito, as cataratas, as vertigens labirínticas, a demência, a esclerose, as dores nas articulações; enfim, as demais afecções decorrentes da senilidade – que pensando bem, muitos nem a alcançam, é a chegada da noite pela falta de fé (ref.: Ezequiel 37:4). Pela indiferença com a Igreja do SENHOR, pela preguiça, pela falta de respeito ao que do SENHOR aprendeu, pela opção de trilhar pelos caminhos dos fariseus, pela morte espiritual, pela rejeição ao Sangue do sacrifício Vicário, e porque não dizer: a chegada da noite pela morte física que neste caso pode até ser abreviada! Ao fazer esta recomendação narrada em Mateus 6:34: “Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã terá as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu mal.” Jesus estava orientando aos Seus discípulos a não se desesperarem com as dificuldades enfrentadas no dia a dia deles, assim como, ainda hoje é com a maioria da humanidade. Esta preocupação antecipada, leva a pessoa à ansiedade, podendo, inclusive, levar à depressão. Quanto a esta preocupação Ele, os encorajava dizendo: “Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6:33).
 
Você pode até achar que eu mereço essa resposta: ah, mas falando assim, você está sendo terrorista. Mas, não estou não. A coisa é assim mesmo. Esta é a dura realidade, como diz o brocardo Jurídico: “dura lex sed lex”

CONCLUSÃO

Para os que querem viver na eternidade com Jesus, é de extrema necessidade que para isto se preparem. Nunca deixe para o amanhã, que pode nem haver. Tudo quanto, da parte de Deus era necessário, já foi providenciado por Ele mesmo, inclusive, dando Seu Único Filho, Jesus, para que, com o Seu precioso sangue pagasse na cruz tudo quanto nos impedia o acesso ao Pai. As hostes infernais sempre se ocuparam para impedir nossa participação no Reino de Deus. Mas, este laço foi cortado a partir do momento em que o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo conforme lemos em: (Marcos 15:38; compare Mateus 27:51 e Lucas 23:45).

A morte de Jesus na cruz, foi o evento mais importante de toda história da humanidade. Foi o relevo, o ápice do amor de Deus, aplicado para o bem do mundo inteiro. Foi através deste sacrifício que alcançamos o perdão dos nossos pecados, a reconciliação com o Criador e a certeza da vida eterna!

Portanto, como diz o Espírito Santo: se ouvirdes hoje a sua voz,  não endureçais o vosso coração, como na provocação, no dia da tentação no deserto,  onde vossos pais me tentaram, me provaram e viram, por quarenta anos, as minhas obras.” (Hebreus 3:7-9).
 
 _______________


Volta Redonda, 2014, e 23/03/2015 e 23/03/2017
Com elevado apreço a todos os que me leem
Jorge Albertacci
Assembleia de Deus do Retiro
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal