Como deve viver o povo de Deus - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Como deve viver o povo de Deus

Esboços
Neemias 13:1-12, 19-20, 23-25, 30-31; Romanos 12:1
 
_____________


1.   SEPARANDO-SE DO MUNDO: - vv. 1-3.
 
a)   - Neemias veio a Jerusalém pela primeira vez no ano 20 de Artaxerxes;
b)   - Sua missão era reconstruir os muros da cidade santa;
c)   - Foi nomeado governador pelo rei, exerceu por 12 anos mais ou menos;
d)   - Volta à presença do rei para prestar relatórios;
e)   - Voltando à Jerusalém encontrou abusos.
 
1.   SEPARANDO-SE DO MUNDO: - vv. 1-3.
 
a)   - Neemias veio a Jerusalém pela primeira vez no ano 20 de Artaxerxes;
b)   - Sua missão era reconstruir os muros da cidade santa;
c)   - Foi nomeado governador pelo rei, exerceu por 12 anos mais ou menos;
d)   - Volta à presença do rei para prestar relatórios;
e)   - Voltando à Jerusalém encontra abusos;
f)    - Lendo a palavra entendeu que o povo de Deus não podia se misturar com incrédulos;
g)   - Nós nos impressionamos com a incredulidade dos antigos.
 
2.   RESPEITANDO AS COISAS SANTAS: - vv. 4-9.
 
a)   - Eliasibe, um sacerdote infiel;
b)   - Neemias havia viajado;
c)   - Ele pensou que Neemias não voltaria;
d)   - Tornou-se parente de Sambalate;
e)   - Uma vez parente, agora tinha seu aposento no lugar sagrado;
f)    - O governador despeja Tobias;
g)   - Mandou purificar as câmaras... recolocando ali os elementos do serviço...
 
3.   PARTICIPANDO DO CULTO: - vv. 10-12.
 
a)   - Com a ausência do governador, os abusos do sacerdote e do abandono do templo, o povo parou de contribuir;
b)   - Os Levitas não tendo como se sustentarem, voltaram para o campo, talvez trabalhando em campo alheio.
 
4.   ENTREGANDO OS DÍZIMOS E AS OFERTAS: - vv. 12, 31.
 
a)   - O povo voltou a contribuir novamente.
 
5.   GUARDANDO O DIA DO SENHOR: - v. 19.

a)   - Outro abuso referia-se a profanação do dia do Senhor;
b)   - O povo havia feito um propósito de guardar o dia do Senhor – Nee 10:31;
c)   - Agora Neemias encontra o povo trabalhando no dia do Senhor;
d)   - Havia os que traziam seus comércios particulares para a cidade no sábado - uvas – vinho e peixe;
e)   - As portas são fechadas... antes do sábado até o outro dia;
f)    - Eles insistem e trazem para o lado de fora do muro, esperando os que saem;
g)   - Neemias os ameaça e põe guardas nas portas.
 
6.   EVITANDO ALIANÇA COM OS INCRÉDULOS: - vv. 23-25.
 
a)   - Eles insistiam em casar-se com incrédulos;
b)   - Filhos de judeu com asdodita já tinham dificuldade para falar a língua da terra;
c)   - Com a influência da mãe estrangeira, os filhos cresciam falando meio judeu e meio asdodita;
d)   - Neemias espanca um, arranca os cabelos de outros, amaldiçoa outros e faz juramentos.
 
7.   PONDO ORDEM NA CASA DO SENHOR: - vv. 30-31.
 
a)   - Determina o cargo dos Levitas e sacerdotes;
b)   - Restabelece as contribuições nos cultos;
c)   - Prossegue com a situação normalizada.

_____________

 
     CONCLUSÃO
 
Neemias pode até parecer um líder irascível, exigente demais. Mas, um exame do contexto da sua missão, vai dar-lhe a inteira razão por assim agir. O líder não pode ser visto pelos seus subalternos como um incompetente, e nem tampouco como um ignorante irascível, mas, como uma pessoa equilibrada, austera e justa. A Neemias coube a responsabilidade de restaurar a cidade santa, Jesus. Deus despertou-lhe para este fim, porque nele, Neemias, havia um coração quebrantado e um dom de administrador excelente. Neemias restauraria os danos causado à cidade de Jesus pelo rei da Babilônia, Nabucodonozor.
 
O livro de Daniel relata que Nabucodonosor, rei de Babilônia, atacou Jerusalém com o seu grande exército: “No ano terceiro do reinado de Jeoiaquim, rei de Judá, veio Nabucodonosor, rei de Babilônia, a Jerusalém, e a sitiou...” Daniel 1:1-8.
 
A Bíblia claramente relata que, o poderoso exército da Babilônia, durante o reinado de Nabucodonosor, realizou três incursões em Jerusalém, sendo que de cada vez aplicou castigos os mais severos à cidade santa. Durante a sua primeira visita, em 606 a.C., Nabucodonosor levou consigo boa parte dos utensílios preciosos que encontrou no templo erguido por Salomão alguns séculos antes (Daniel 1:1-2; 2 Crônicas 36:6-7), bem como um bom número de pessoas, jovens provenientes da mais alta classe social judaica, inclusive, entre estes estava a nata da sociedade Israel, Daniel, que foi encaminhado para Babilônia com aproximadamente 16 anos de idade, refém do exército babilônico. Destarte, Deus achou graça e capacidade em Neemias para restaurar todos os danos causados à cidade, que teve seus muros derribados e suas portas queimadas a fogo.

_____________


Volta Redonda – Rio de Janeiro – 17/10/2015
Jorge Albertacci
Pastor Emérito da Assembleia de Deus do Retiro

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal