O Povo de Deus em Relação ao Pecado - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

O Povo de Deus em Relação ao Pecado

Pastorais
_____ 


O POVO DE DEUS EM RELAÇÃO AO PECADO
Esdras 9:1-5 e 10:1-17
 
INTRODUÇÃO
 
Todos quantos foram lavados no sangue do Cordeiro são gratos pela libertação das suas vidas, bem como, de todos os seus familiares das pestilências que sempre os atormentavam antes de conhecerem a Jesus. Agora, sabendo que aquelas pestilências procediam da falta de Deus nos seus lares, e uma vez, aceitando a Cristo – sentindo o alívio advindo da conversão e com efeito a nova vida, em nenhuma hipótese aceitam voltar à vida pecaminosa de outrora, onde o reino das trevas impera.

1. DENUNCIA

"vieram ter comigo dizendo: A raça santa se tem misturado". (Esdras 9:1-2 - O povo que serve a Deus não se conforma com o pecado; não se cala quanto ao pecado na comunidade santa; levanta a sua voz para denunciar as transgressões e iniquidades.
 
2. REAGE

"Permaneci sentado atônito até a oblação da tarde" (Esdras 9:4) os versículos 3 ao 5 descrevem a reação de Esdras quando toma conhecimento do pecado de Judá e de sua gravidade. Reação semelhante tomam todos aqueles que amam ao Senhor e pugnam pela santidade do povo de Deus.
 
É semelhante a um corpo com a presença de um pequeno foco de infecção, pode ser na garganta, por exemplo.  Com isto o sangue de todo corpo reage com febre para expulsar o foco infeccioso. Mesmo assim há os que reclamam que os crentes falam muito ao ver um irmão andando desordenado, mas não é falar muito é a reação natural do corpo quando há infecção.
 
3. CONFESSA

Nossa confissão é o segredo da nossa vitória, o povo convertido confessa, os impenitentes são sempre duros, resistem a voz do Espírito Santo. Mas, o que confessa e deixa alcança misericórdia. Em Tiago 5 a recomendação é para que confessemos.
 
4. ACEITA A DISCIPLINA:

"Toda Escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça, para que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente instruído para toda boa obra." (2 Timóteo 3:16-17).
 
"Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam." (Salmos 23:4).
 
"Porque esta é a caridade de Deus: que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são pesados." (1 João 5:3).
 
"Mais profundamente entra a repreensão no prudente, do que cem açoites no insensato." (Provérbios 17:10).
 
CONCLUSÃO
 
"Quando o crente se mantém em perfeita comunhão com Deus, sua vida é dirigida noite e dia pelo Espírito Santo do Senhor. Inclusive, Seus anjos acampam ao seu redor o guardando e protegendo. Qualquer deslize na vida do crente em Cristo é motivo para ele ouvir a Sua voz:  Ó, vinde, adoremos e prostremo-nos! Ajoelhemos diante do SENHOR que nos criou.   Porque ele é o nosso Deus, e nós, povo do seu pasto e ovelhas da sua mão. Se hoje ouvirdes a sua voz,  não endureçais o coração, como em Meribá e como no dia da tentação no deserto, quando vossos pais me tentaram; provaram-me e viram a minha obra." (Salmo 95:6-9)
_____ 
 

Pr. Jorge Albertacci
Assembleia de Deus do Retiro
Volta Redonda - RJ
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal