Que Te Darei Meu Mestre? - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Que Te Darei Meu Mestre?

Mensagens Bíblicas
TEXTO BÍBLICO

(Salmos 116:12)
 
Que darei eu ao SENHOR por todos os benefícios que me tem feito?
 
INTRODUÇÃO
 
Mesmo sabendo que nosso SENHOR não necessita de nada material da nossa parte, bem como, nada requereu da humanidade como recompensa pelo livramento que nos proporcionou na cruz. Um senso de gratidão é despertado no coração de todos quantos por Sua graça foram alcançados de retribuí-lo.
 
Mas, o que daremos ao SENHOR pelo que Ele fez por nós? O que pode equiparar em valor esse sacrifício? Nada! Nada pode equiparar o que JESUS fez por nós ao submeter-se ao horrendo sacrifício! O que daremos então ao SENHOR? No esboço abaixo, mesmo em minha insignificância, detalho um pouquinho do que podemos dar ao SENHOR.
 
DEUS PEDINDO

Dá-me, filho meu, o teu coração, e os teus olhos observem os meus caminhos. (Provérbios 23:26).
 
Filho meu, não te esqueças da minha lei, e o teu coração guarde os meus mandamentos. (Provérbios 3:1).
 
Não te desamparem a benignidade e a fidelidade; ata-as ao teu pescoço; escreve-as na tábua do teu coração. (Provérbios 3:3).
 
Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento. (Provérbios 3:5).
 
Disse-lhe terceira vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe: Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo. Jesus disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas. (João 21:17).
 
MOMENTOS QUE PRECEDRAM SEU MARTÍRIO
 
Então, lhes disse: A minha alma está cheia de tristeza até à morte; ficai aqui e vigiai comigo. (Mateus 26:38).
 
Esse foi um momento agudíssimo do Seu sofrimento. Ali no Jardim do Getsêmani, prostrado sobre o Seu rosto - em oração, Ele pediu ao Pai: “Meu Pai, se é possível, passa de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres!” (Mateus 26:39). Essa tensão causada pela crucificação que se aproximava O levou à hematidroze - quando em agonia, orava mais intensamente. E o Seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue que corriam até ao chão! (Lucas 22:44).
 
MOMENTO EM QUE ELE MAIS PRECISOU
 
E junto à cruz, entre os carrascos que O crucificariam,  estava Sua Mamãe, e a irmã de Sua Mamãe, Maria, mulher de Clopas, e Maria Madalena.  Vendo Ele ali Sua Mamãe e o discípulo a quem Ele amava, João, disse à Sua Mamãe: Mulher, eis aí o teu filho!  Depois, disse ao discípulo, João: Eis aí tua mãe. E desde aquela hora o discípulo a recebeu em sua casa.
 
Depois, sabendo Jesus que já todas as coisas estavam terminadas, para que a Escritura se cumprisse, disse: Tenho sede! (Mateus 19:25-28). Na agonia da morte, Jesus pediu aguá! Ele Disse: Tenho Sede! Ele que havia trazido a água cristalina para todos - tendo oferecido para a Mulher Samaritana (João 4:13), assim como, a todos, no último dia da festa em Jerusalém (João 4:37-39). Agora, finalmente, chegou a hora em que Ele precisou de pelo menos, um pouquinho de água fresca! Creio que, se Maria, Sua Mãe, que estava presente tivesse ouvido esse clamor e dependesse dela, lhe daria água! Mas hoje, já beneficiado por Sua graça - O Que Daremos ao Mestre Amado?
 
Estava, pois, ali um vaso cheio de vinagre. E encheram de vinagre uma esponja e, pondo-a num hissopo, lha chegaram à boca. (João 19:29).
 
E, quando Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado. E, inclinando a cabeça, entregou o espírito. (João 19:30).
 
Salmos 69:21 - Deram-me fel por mantimento, e na minha sede me deram a beber vinagre.
 
E, quando Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado. E, inclinando a cabeça, entregou o espírito. (Mateus 19:30).
 
CONCLUSÃO
 
Depois de haver feito tudo por todos – moído sob o mais extremo horror, Ele sentiu sede! Ele exclamou: Tenho Sede! Que Te Darei Meu Mestre? Não sei, mas, talvez que Sua Mamãe ou alguns dos Seus discípulos tenha ouvido Ele clamando por água. Em lugar de água fresca, lhe deram vinagre!
 
Hoje, Seu único desejo é ouvir daqueles por quem Ele deu a vida: “Que Te Darei Meu Mestre?” Vinagre? Não! Lhe darei meu Mestre, o meu coração – lhe darei o louvor que lhe é devido. Submeterei integramente minha vida ao Senhor e anunciarei as Tuas maravilhas entre os povos.
 
Que Te Darei Meu Mestre
 
Jorge Albertacci
Pastor Emérito da Assembleia de Deus do Retiro
Volta Redonda – Rio de Janeiro – Brasil
E-mail – prjorgealbertacci.com.br
 
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal