Três Estudos Importantes Para você - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Três Estudos Importantes Para você

Estudos Bíblicos II

 _______________

O LIVRO SAGRADO
 Salmos 119:105 – João  17:1 – Timóteo 1:15
 

Estamos estudando o Livro mais importante do mundo. O Livro por excelência, o mais vendido e lido em todo planeta; o maior best-seller de todos os tempos. Falamos das Escrituras Sagradas, ele é um manancial de bênçãos para todas as pessoas, sejam elas: sábias, leigas, ricas, pobres; de todas as raças, tribos, línguas e nações. Todas podem ser abençoadas e alcançadas por Cristo Jesus através do conhecimento adquirido neste Livro maravilhoso que é a Palavra de Deus Escrita.
 
SUA AÇÃO EM NOSSAS VIDAS

-Para o mudo, ele é a voz;
-Para os que não puderam estudar, a sabedoria;
-Para os que vivem em trevas, a luz;
-Para o cego, a visão;
-Para o perdido, o caminho;
-Para o sedento, a fonte de água;
-Para o marinheiro, a bússola;
-Para o viajante, o mapa;
-Para o enfermo, o remédio;
-Para o desesperado, o sossego;
-Para o triste, a alegria;
-Para o infeliz, a felicidade;
-Para o condenado, a salvação;
-Para o pecador, o perdão;
-Para o prisioneiro, a liberdade.

 ELE É O NOSSO MANUAL 
 
Para os salvos ele é tudo, pois é somente nele que encontramos a Palavra de Vida Eterna, nele nós encontramos o caminho que conduz ao céu. Nele nós aprendemos a amar ao Deus Pai, ao Deus Filho, e ao Deus Espírito Santo. É através deste livro que aprendemos que sem Deus nada podemos fazer. (Jo 15:5).


NELE APRENDEMOS O CAMINHO

Um dia estávamos perdidos, mas através deste Livro, encontramos o caminho, Jesus. Estávamos com sede e descobrimos nele a fonte de água viva. Foi este Livro que nos orientou a buscar respostas certas para todas as nossas dúvidas. Estamos falando da BÍBLIA SAGRADA.


SUAS DESIGNAÇÕES

Do vocábulo grego “bíblos”, temos o plural “bíblia’’, que quer dizer livros. Daí o nome da nossa Bíblia, um sinônimo de Bíblia é “As Escrituras’’, do grego ta “gramata ou hai graphai” como vemos nos textos:
“Perguntou-lhe Jesus: nunca lestes nas Escrituras’’ (Mt 21:42).

“Ainda que não lestes esta Escritura: A pedra... ’’(Mc 12:10)
 
Observemos que a Bíblia é completa e maravilhosa, mas ainda, podemos dizer que ela é:
 
- Sempre maravilhosa e inesgotável;
- É familiar em cada povo;
- Familiar em cada indivíduo;
- Familiar em qualquer lugar;
- É superior em relação a qualquer livro;
- Nela contém apenas verdades;
- Ela é imparcial;
- Ela nos faz diferentes;
- Ela influencia pessoas e nações para o bem;
- Ela pode transformar o mundo.


Jorge Albertacci 
Pastor Emérito da Assembleia de Deus
Retiro - Volta Redonda - RJ
 _______________

                                                                       ACHARÁ FÉ NA TERRA?

Lucas 18:18


Quando, porém, vier o Filho do Homem, porventura, achará fé na terra?

 
Partindo do que a Palavra diz no versículo supracitado, esta declaração de Jesus foi no sentido de incentivar o povo a viver em constante oração. Só que nesta segunda parte do versículo, Sua palavra passa a ser aplicada para o tempo da Sua volta para buscar Sua Igreja no arrebatamento.
 
Este é um dos motivos pelos quais sempre afirmo que as palavras do Divino Mestre sempre são cheias de objetividades. Ele já previa o esfriamento, e porque não dizer da mornidão dos últimos dias? 

Atualmente, se o servo de Deus não atentar com carinho para discernir o que é certo e o que é errado, sem sombra de dúvida, ele terá motivo para julgar que Jesus tenha praticado uma incoerência, quando perguntou: “Achará Fé na Terra?”

Eu particularmente creio que nunca na história da humanidade houve tanta fé quanto nos dias de hoje, quando as pessoas lotam os grandes templos, os grandes estádios, as casas de oração e os montes nas caladas da noite, dando o que pode e às vezes até o que não está ao seu alcance, mas, dão - sempre em busca de algo material.
 
Sem conhecimento da Palavra de Deus e consequentemente desnorteados pelos caminhos agnósticos da superstição, atropelam os inescrupulosos "líderes" televisivos ou não, em busca de tudo, tudo, tudo, menos da SALVAÇÃO.
 
Achará por ventura, fé, entre os homens quando Jesus voltar? Incoerência? Claro que não! Por que Jesus não falou desta fé superficial e concupiscente - daí a pergunta aos Hebreus 2:3: Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação, a qual, começando a ser anunciada pelo Senhor, foi-nos, depois, confirmada pelos que a ouviram?
 
Muita fé, muitas orações, muitas rezas, muitas velas, muito jejum, muitas pregações, muitos sacrifícios, muitas contribuições, mas, na maioria das vezes em busca de libertação de problema puramente material, em casa, no trabalho, no comércio, nas fábricas. E os problemas sentimentais inconcebíveis - quando a pessoa mesmo estando com seu cônjuge, debaixo do mesmo teto, mas, que, já está namorando outro que ainda está com o seu também! Isto é resultado do relativismo pós-moderno, quando até mesmo muitos obreiros com título de pastores, em face à banalização dos preceitos divinos não atentam com o desvelo que merece para o ministério que tenha sido chamado.
 
Os crentes despovidos de conhecimento vivem atrás de pregadores que com a falta da unção do Espírito, seus sermões são recheados de termos pejorativos, indecorosos, mas, que prende a atenção dos incautos que amam uma piada, um graejo impróprio, uma brincadeira e ao invés de chorar, ri, ri, e ri, com más conversações. Se isto não entristecer ao Espírito Santo de Deus, o que mais se tem a esperar que o entristeça?

Quando, porém, vier o Filho do Homem, porventura, achará fé na terra? (Lucas 18:18).

 
Jorge Albertacci 
Pastor Emérito da Assembleia de Deus
Retiro - Volta Redonda - RJ
 _______________

 

CONFUSÃO DOS DISCÍPULOS SOBRE JESUS
 
(Mt 16:13-16)

“E, chegando Jesus às partes de Cesareia de Filipo, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do Homem? E eles disseram: Uns, João Batista; outros, Elias, e outros, Jeremias ou um dos profetas. Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou? E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.”
 
COMENTÁRIO

Notemos neste versículo a confusão que os contemporâneos do Senhor Jesus faziam a respeito dele. Que coisa! Aqueles que andavam com Ele diuturnamente, recebendo seus ensinamentos, mas que não tinham uma resposta satisfatória para ninguém a respeito dele.
 
Entretanto, para que Sua Igreja fosse fundada, Ele precisava de respostas positivas, como foi a de Pedro: - Tu és o Cristo, o Filho do Deus Vivo! Aleluia! Pedro estava atento!
 
Ainda hoje o Senhor Jesus precisa de homens e mulheres que não façam confusão a Seu respeito, mas, que com convicção e uma fé viva nele, em qualquer circunstância da vida possam sempre afirmar que ele é o Senhor dos senhores, o Rei dos reis, o Médico dos médicos, o Sacerdote por excelência, e o Autor e Consumador da nossa fé.

E para nos fazer mais do que vencedores, ele venceu o diabo. “Perdeu para Barrabás” no sorteio sobre quem haveria de ser solto ou crucificado. Consequentemente ele passou pelo Getsêmani! Verteu lágrimas de sangue! Carregou o rude lenho! Suportou a dor, foi crucificado! Morreu, mas ao terceiro dia Ele RESSUSCITOU! Aleluia! A sepultura não pode detê-lo! 
 
Ele Ressuscitou! Agora, está à direita de Deus Pai aguardando o momento já marcado no Livro de Deus, para buscar aquela, por quem tanto sofreu: SUA IGREJA AMADA Igreja para o Arrebatamento!
 
E o meu prezado leitor, o que tens a dizer sobre Jesus?

 ______________

 
Volta Redonda – Rio de Janeiro – 15-12-2013

Jorge Albertacci 
Pastor Emérito da Assembleia de Deus
Retiro - Volta Redonda - RJ

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal