O Motivo da Primeira Multiplicação dos Pães - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

O Motivo da Primeira Multiplicação dos Pães

Esboço IV
____________


O Motivo da Primeira Multiplicação dos Pães
 
Reunião de obreiros
09/12/1996
Pastor Jorge Albertacci
 
Marcos 6:30-44

 
01. Porque os apóstolos ajuntaram-se ao Senhor Jesus –  (V30).
 
02. Porque os apóstolos contaram tudo o que tinha feito e ensinado para Jesus –  (V30).
 
03. Porque os apóstolos entraram no barco e seguiram a Jesus para o lugar deserto –  (V32).
 
04. Porque o povo notou a retirada de Jesus com os apóstolos e correram a pé para onde eles haviam ido – (V33).
 
05. Porque, Jesus, saindo, viu uma grande multidão, e teve compaixão deles, porque eram como ovelhas que não têm pastor; e começou a ensinar-lhes muitas coisas –  (V34).
 
06. Porque a hora passou, ficou tarde, e o disípulos não tinham como prover alimento para tanta gente –  (V35).
 
07. Por já ser tarde os discípulos se aproximaram dele, e lhe disseram: O lugar é deserto, e já é muito tarde –  (V35).
 
08. Despede-os, para que vão aos lugares e aldeias circunvizinhas, e comprem pão para si; porque não têm que comer –  (V36).
 
09. Ele, porém, respondendo, lhes disse: Dai-lhes vós de comer. E eles disseram-lhe: Iremos nós, e compraremos duzentos dinheiros de pão para lhes darmos de comer? –  (37).
 
10. Porque os obreiros mesmo sem ter recurso, se preocupara com o povo –  (V35-37).
 
11. Porque na hora necessária eles tinham alguma coisa para apresentar ao Mestre –  (V38).
 
12. Porque eles aceitaram a humilhação de se assentarem no chão –  (V39).
 
13. Porque Jesus levantou os olhos ao Céu e abençoou o pouco que eles tinham –  (V41).
 
14. Porque os discípulos estavam dispostos a distribuírem a bênção para o povo – eles estava dispostos a trabalhar para cuidar dos seguidores - (V41).
 
15. Todos comeram e ficaram fartos – (42).
 
16. E levantaram doze alcofas cheias de pedaços de pão e de peixe, foi que que sobrou!  (V43).
 
17. Com dois peixes e cinco pães, Jesus alimentou, quase cinco mil homens  (V44).
 
18. Porque Jesus queria mostrar para os obreiros de hoje, que ainda há muito pão e muito peixe para ser distribuídos para o Seu povo.

CONCLUSÃO

É melhor estar com Jesus no deserto, do que na cidade onde se tem à disposição, todo recurso, sem Ele!

Quando os discípulos retornaram de missão que Ele tinha designados, Jesus os levou para descansar. Fazer a obra de Deus é muito importante, mas Jesus reconheceu que para fazê-la com eficiência, precisamos de um descanso periódico e de renovação. Entretanto, Jesus e seus discípulos nem sempre conseguiam facilmente o descanso de que necessitavam!  Essa multidão era tão digna de pena como um rebanho sem pastor. As ovelhas facilmente se desagarram e consequentemente entram em apuros - a falta de pastor desnortea o rebanho. E ele disse-lhes: vinde aqui à parte, a um lugar deserto, mas, o povo notou eles se retirando de barco para o lugar deserto, mas, que eles sabiam para onde eles estava indo, tanto que, quando Jesus chegou nesse lugar o povo já estava lá - eles foram a pé. Aprendemos com eles que é melhor está com Jesus no deseto do que na cidade sem Ele.
____________


Jorge Albertacci
Atualmente Pastor Emérito da Catedral das 
Assembleias de Deus do Retiro
Presidida desde de 2008 pelo Pastor Pedro Gonçalves da Luz
Rua Engº Joaquim Cardozo, 448 - Retiro - 27281-360  
Volta Redonda - Rio de Janeiro

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal