Escândalo X Infecção - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Escândalo X Infecção

A Inversão dos Valores
_____________


ESCÂNDALO X INFECÇÃO 

Mateus 13:41, 18:7

INTRODUÇÃO

Mandará o Filho do Homem os Seus anjos, e eles colherão do Seu Reino tudo o que causa ESCÂNDALO e os que cometem iniquidade. Ai do mundo, por causa dos escândalos. Porque é mister que venham escândalos, mas ai daquele homem por quem o ESCÂNDALO vem!

COMENTÁRIO

Escândalo para os Anunciadores das Boas Novas, que andam pelos Altos Caminhos e cujos Pés são Formosos (iasías 52:7; Romanos 10:15) não constitui em uma mera palavra, mas, em um mal que facilmente contamina toda uma comunidade. Escândalo é uma das mais poderosa ferramentas do Diabo. Quando este acontece na Igreja, faz dela uma faixa edêmica. Sua semelhança é a de um ponto infeccioso no corpo humano. 

ANALOGIA

Tão logo, apareça um deste ponto infeccioso todo corpo reage. Ainda mais quando este aparece na garganta e amígdalas! A febre aparece junto esquentado o corpo, avermelhando, causando mal-estar e a preocupação sobre a causa aumenta à medida em que a febre sobe.  A essas alturas é muito normal, o que também pode ser muito perigoso, mas, que não vai faltar mesmo, é a automedicação. A automedicação tanto pode combater a febre, como pode mascarar a causa, e agravar o mal, ocultando do médico eventuais lesões. Alguns medicamentos para baixar a febre são anticoagulantes, o que pode dificultar muito o trabalho do médico, se o doente estiver desenvolvendo uma afecção hemorrágica.


O que expus acima, é o mesmo que acontece com a Igreja de Cristo. Quando um membro se torna murmurador, ele se torna um ponto infeccioso no corpo. Com esse pontinho, todo corpo reage, esquenta, e aparece logo o mal estar e entros outros sitomas, a “Inapetência” – Inapetência da Palavra – A “Adipsia” – Adipsia da Palavra, o que pode culminar com a desidratação - (um dos símbolos do Espírito Santo é a Água).

E dá-lhe receita e mais receitas, sem procurar o “Médico” – O Médico dos médicos é Jesus. Por fim, essas receitas, sem a prescrição médica pode provocar a intoxicação. Estudos médicos apontam que a intoxicação por medicamentos ocupa o primeiro lugar dentre as causas de intoxicação registradas em todo o país, à frente dos produtos de limpeza, dos agrotóxicos e dos alimentos estragados. As ocorrências mais comum da intoxiocação medicamentosa procede do uso dos analgésicos, os antitérmicos e os antiinflamatórios, visto que, estes, representam as classes de medicamentos que mais intoxicam.

A falta de uma assepsia acurada nas placas infeccionadas e a falta do tratamento médico adequado pode agravar e a infecção se generalizar – afetando todo corpo. A Igreja é o Corpo de Cristo!

CONCLUSÃO

O Médico dos médicos, Jesus, está a esperar que Seus filhos coloquem em Suas poderosas Mãos todos os males do corpo. Quando o mal não é confiado a quem sabe e pode tratar, pode tornar-se crônico – Casa da falta de comunhão – dos ressentimentos enraizados – d ódio constante – falta de perdão e consequentemente a ausência do Espírito Santo do Senhor. A ausência do espírito, significa que o corpo está morto. Tão logo o espírito sai da pessoa, as providências a serem tomadas imediatamente é a prepararação  do corpo para o sepultamento.
_____________


Pastor Jorge Albertacci e Alcenir Albertacci
Assembleia de Deus em Volta Redonda
E-mail - prjorgealbertacci@yahoo.com.br
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal