Assim Que o Senhor Jesus Quer a Sua Igreja - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Teologia do Obreiro
ASSIM O SENHOR QUER A SUA IGREJA
(Gálatas 6:15-17 - Efésios 4:1-16)

“Porque, em Cristo Jesus, nem a circuncisão nem a incircuncisão têm virtude alguma, mas sim o ser uma nova criatura. E, a todos quantos andarem conforme esta regra, paz e misericórdia sobre eles e sobre o Israel de Deus. Desde agora, ninguém me inquiete; porque trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus.” (
Gálatas 6:15-17).
 
Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas. E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores, querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo, até que todos cheguemos à unidade da fé e ao conhecimento do Filho de Deus, a varão perfeito, à medida da estatura completa de Cristo, para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo vento de doutrina, pelo engano dos homens que, com astúcia, enganam fraudulosamente. Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, do qual todo o corpo, bem ajustado e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o aumento do corpo, para sua edificação em amor.” (Efésios 4:1-16).
 
INTRODUÇÃO
 
As marcas do Senhor Jesus no corpo, não são marcas produzidas pelos profissionais da área da tatuagem, e nem por contusão – mas, são as marcas indeléveis advindas de uma comunhão estreita com o Senhor. São as marcas da separação, do sofrimento, da união perfeita com Ele e com todos os santos, da renúncia sem restrições. Tendo preservados por Ele e para Ele somente: espírito, alma e corpo. Priorizando sobretudo o Reino, e o fazendo notório em todas as partes da terra. Cumprindo cabalmente Seu mandado à Grande Comissão de Lucas 10:1-42.
 
COMENTÁRIO
 
Por sua vez, Paulo sofreu muito pelo evangelho de Cristo. Não teve sua vida por preciosa. (Atos 20:20). Entregou sua vida plenamente na obra de Deus e perseverou nisto até o fim. E você? O que tem feito pelo Reino de Deus? Tem se dedicado com esmero ao ensino das Sagradas Escrituras? Prepara-se antecipadamente para ministrar o ensino da Palavra de Deus na Igreja ou na Evangelização? Não esqueça o que diz a Bíblia: “Se é ensinar, haja dedicação ao ensino” (Rm 12:7). Paulo tinha todas as prerrogativas necessárias para a execução da árdua missão de anunciar o evangelho aos gentios — instruído, intrépido, cheio do Espírito Santo. Por isso, obteve tanto sucesso. Com o mesmo empenho com que perseguia os cristãos, este homem entregou-se à causa divina. Não teve sua vida por preciosa porquanto sabia que as provações desta vida contribuem para o próprio aperfeiçoamento e não podem ser comparadas “com a glória que em nós há de ser revelada”. Apresentava-se como servo de Cristo e cumpria plenamente este papel. Sabia que sua obrigação era proclamar o mistério do evangelho: Jesus. Assim como o Messias veio ao mundo para servir e dar sua vida em resgate de muitos, Paulo também estava a serviço da Igreja. Esses exemplos foram deixados a fim de o crente aprender que não importa qual seja seu título ou encargo ministerial, somos todos servos. Ainda hoje, Deus busca quem deseja consagrar-se a Sua obra. A missão não é fácil, demanda muito esforço, compromisso e diligência, todavia, não podemos reter esta mensagem que “é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê” (Rm 1:16). LIÇÕES BÍBLICAS – EBD – CPAD de 25 de julho de 2004 – Pr. Elinaldo Renovato de Lima.
 
NA IGREJA PRIMITIVA
 
Quando a Igreja se iniciava percebemos quão dedicado e incessante foi o ministério de ensino da Palavra nos primórdios da Igreja Cristã. Paulo, verdadeiro ministro de Cristo, empenhava-se ardorosamente neste mister. Com zelo de Deus, o apóstolo dos gentios sofria pelas almas que conseguia ganhar para seu Mestre. Em quaisquer circunstâncias, pessoalmente, ou por escrito, não cessava de ensinar e orientar seus filhos na fé. Não foi diferente com os colossenses. Mesmo indiretamente, Paulo os discipulou, quer por intermédio de Epafras quer através de suas abençoadas epístolas.
 
A IGREJA NO SÉCULO XXI
 
Quando a Igreja do Senhor volta aos moldes da Igreja Primitiva, ela pode se preparar para crescer, crescer e crescer, não somente no quantitativo, mas, acima de tudo no qualitativo. A Igreja quando parte para o trabalho: visitando, evangelizando, orando e discipulando, nada é capaz de deter o seu crescimento nos dois aspectos citados acima. Nada é capaz de interromper seu propósito. Quando a Igreja trabalha segundo a vontade do Espírito Santo, os crentes ficam diferentes de tudo neste mundo. Sem forçar qualquer semblante de santidade falsa, a luz de Cristo que nele está resplandece e o povo passa a crer. Somente o brilho na face, pela presença do Espírito Santo, é o suficiente para convencer o homem de que este, é um pecador, que Jesus, é o Salvador e que o crente que fala, é realmente um pregador! Quando se tornam patentes as marcas de Cristo na vida de cada um: no falar: (1Co 15:33) – no meio em que vive, evitando a roda dos escarnecedores: (Sl 1) – na aparência física: (Jo 18:16) – no olhar: (Mt 5:28) – na língua: (Tg 3:6-8).
 
Se o servo do Senhor não conseguir exteriorizar a santidade nele produzida pelos efeitos da cruz de Cristo, e se igualar aos incrédulos na vestimenta, na aparência física, no modo de proceder, nos lugares que frequenta. Este até que pode trazer em seu corpo muitas marcas, menos a da cruz de nosso Senhor Jesus Cristo. E sem este diferencial sua presença no Corpo de Cristo será perniciosa.
 
CONCLUSÃO
 
O crescimento da Igreja decorre da dedicação de todos ao trabalho. Quando todos os membros do corpo estão entrosados, os milagres acontecem, o batismo no Espírito Santo não cessa, e consequentemente todos os dias as almas se rendem aos pés do Senhor. Somente assim é que a Igreja tem motivação para avançar na propagação do Evangelho das Boas Novas.
 
Pr. Jorge Albertacci
24/02/2018
Igreja Evangélica Assembleia de Deus
Retiro - Volta Redonda - RJ
 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal