Pregação - 1 Coríntios 2:4-5 - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Pregação - 1 Coríntios 2:4-5

Esboço IV
____________

PREGAÇÃO
 
26/08/1996

Leitura Introdutória
 
1Coríntios 2:4-5
 
"E a minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus."

INTRODUÇÃO
 
O Filho de Deus veio a este mundo para trazer a mensagem do Reino do Céu à humanidade toda. Para que esta fosse levada a efeito, a princípio Ele escolheu doze apóstolos para que O representasse onde fosse necessário. Fundada a Igreja Primitiva, Ele dotou estes homens de poder do Espírito Santo e ordenou de forma abrangente, pois, Sua Igreja seria o Reino de Deus implantado, onde imperava o reino das trevas. Para a continuidade deste tão excelente Ministério Ele recomendo a todos os que O aceitassem, pregasse o Evangelho do Reino a toda criatura até a Sua volta para o arrebatamento desta que Ele comprou com Seu próprio sangue (Mateus 28:18-20; Marcos 16:15-20). Assim, com Sua Igreja Ele formou o corpo docente e dentre a humanidade o corpo discente. Tudo em conformidade com que dantes foi vaticinado em Isaías 61:1-11, o que fora cabalmente cumprido em Lucas 4:16-21.
 
01. Jesus não nos chamou para detetives, espiculadores, ou bisbiihoteiro das vidas dos outros:

Mas, Ele nos chamou para pregarmos a Sua palavra, Seu amor, Suas misericórdias - Lamentações 3:22:23; João 3:16.
 
02. Jesus não nos chamou para sermos juízes:
 
Não estamos autorizados pelo Senhor a julgar a vida de ninguém. Mateus 7:1: Não julgueis, para que não sejais julgados.”
 
03. Jesus não nos chamou para sermos investigadores:

Deixemos que o Espírito Santo nos revele o que for necessário. Nada mais feio para o pregador do que ficar investigando a vida dos outros.
 
04. Jesus nos chamou para apascentar as Suas Ovelhas.

Atos 20:28: "Cuidai pois de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele adquiriu com seu próprio sangue." (ARA). 1Pedro 5:1-3: Aos presbíteros, que estão entre vós, admoesto eu, que sou também presbítero com eles, e testemunha das aflições de Cristo, e participante da glória que se há de revelar: Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto; Nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho." (ARC).

05. Jesus nos chamou para seguirmos a Ele.
 
Vinde a Mim - vinde após Mim - Mateus 4:19-21; 11:28;

06. Ele nos chamou para sermos embaixadores do Céu – 2Coríntios 5:20: “De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamos-vos, pois, da parte de Cristo que vos reconcilieis com Deus.”
 
Não pertencemos a nenhuma torcida de futebol, a nenhum clube de recreação, nem a qualquer outra sociedade, nós aqui somo exilados. 

João 18:36 "Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos, para que eu não fosse entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui."
 
07. Ele nos chamou para sermos pescadores de homens para o Seu Reino:

"Não temas; doravante serás pescador de homens” - Lucas 5:10-11.
 
Ele nos chamou para sermos misericordiosos - FORTES - Rm. 15:1: Mas nós, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós mesmos. – Mateus 5:7: Bem aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia.”
 
08. Ele nos chamou para profetizarmos sobre os vales de ossos secos – Ezequiel 37:12: “ Portanto, profetiza e dize-lhes: Assim diz o Senhor Jeová: Eis que eu abrirei as vossas sepulturas, e vos farei sair das vossas sepulturas, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel.”

09. Ele nos chamou para buscarmos os perdidos - Mateus 10:6-7:   “Mas ide, antes, às ovelhas perdidas da casa de Israel; e, indo, pregai, dizendo: É chegado o Reino dos céus. Curai os enfermos, limpai os leprosos, ressuscitai os mortos, expulsai os demônios; de graça recebestes, de graça dai.”

10. Ele nos chamou para sermos mais que vencedores - Romanos 8: - Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou - Tiago 1:2: “Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações.”
 
11. Ele nos chamou para sermos sofredores por Sua Obra - 1 Pd 2:18-25: Vós, servos, sujeitai-vos com todo o temor ao senhor, não somente ao bom e humano, mas também ao mau;  porque é coisa agradável que alguém, por causa da consciência para com Deus, sofra agravos, padecendo injustamente. 

Diferente dos homens naturais, o sofrimento por perseguição, tentação, aflição neste mundo, para os que O recebem no seu coração é motivo de regozijo.

CONCLUSÃO

Jesus não nos chamou para discutirmos religião, até mesmo porque, o apego obsecado à religião torna o homem violento, capaz de desprezar e até matar o seu semelhante - enquanto que em Jesus, tudo é amor, é paz, é segurança, é misericórdia, é sentir a carga uns dos outros. Ele não nos designou também para discutirmos política. Este foi a Sua resposta aos discípulos enquanto lhes dava as instruções finais:  Aqueles, pois, que se haviam reunido perguntaram-lhe, dizendo: Senhor, restaurarás tu neste tempo o reino a Israel? E disse-lhes: Não vos pertence saber os tempos ou as estações que o Pai estabeleceu pelo seu próprio poder. Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra. Atos 1:6-8. Esta pergunta dos discípulos foi pelo motivo que o povo de Israel amargava de forma incomplacente sob o império romano.
____________


Pastor Jorge Albertacci
Assembleia de Deus do Retiro - Volta Redonda – RJ

 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal