Artigos sobre a tradução da Bíblia - Estudos Bíblicos

Buscar
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Artigos sobre a tradução da Bíblia

Bibliologia
EDIÇÃO REVISTA E CORRIGIDA  
(ARC 1995)
 
Bíblia Sagrada, traduzida por João Ferreira de Almeida, Edição Revista e Corrigida (1898, 1995).
Uma das características da RC é a linguagem clássica, praticamente erudita.
Nesta edição, fica transparente que a tradução de Almeida preza pela equivalência formal. Em outras palavras, João Ferreira de Almeida procurou reproduzir no texto traduzido os aspectos formais do texto bíblico em suas línguas originais (hebraico, aramaico e grego).
 
Almeida procura estabelecer tal equivalência quanto ao vocabulário, à estrutura e demais aspectos gramaticais. Assim, por exemplo, Almeida buscou manter em sua tradução a ordem dos termos nas frases e também a sua categoria gramatical como se encontram nos textos originais da Bíblia. Além disso, no tempo em que Almeida publicou sua tradução pela primeira vez (ca. 1681), era costume dos tradutores indicar pelo tipo itálico (inclinado) toda e qualquer palavra que precisasse ser inserida na tradução para que tivesse sentido, o que foi fielmente conservado pela RC.
É uma das mais queridas e apreciadas no Brasil, disponível em diversos tamanhos e formatos
 
EDIÇÃO REVISTA E ATUALIZADA (RA)
 
Bíblia Sagrada, traduzida por João Ferreira de Almeida, Edição Revista e Atualizada (1959, 1993).
Conservando as características principais da tradução de equivalência formal de Almeida, a RA é o resultado de mais de uma década de revisão e atualização teológica e linguística da RC.
 
Igualmente fiel aos textos originais, a linguagem da RA é viva, acessível, clara e nobre, evitando o demasiado vulgar e demasiado acadêmico e literário.
A RA tem tido ampla aceitação, tanto no Brasil como em outros países de fala portuguesa, podendo ser encontrada em diversos tamanhos e formatos.
 
BÍBLIA SAGRADA - NOVA TRADUÇÃO NA LINGUAGEM DE HOJE (NTLH)
 
Traduzida pela Sociedade Bíblica do Brasil (2000).
Esta tradução segue os princípios da tradução de equivalência dinâmica, sendo fiel aos textos originais (em hebraico, aramaico e grego).
O sentido do texto é dado em palavras e formas do português falado no Brasil. Foi feito todo o esforço para que a linguagem fosse simples, clara, natural e sem ambiguidades. Daí ser especialmente indicada para pessoas que estão tendo seu primeiro contato com a Bíblia. É uma excelente ferramenta para a evangelização.
A NTLH pode ser encontrada em diversos tamanhos e formatos, com diferentes capas e encadernações.

Pr. Jorge Albertacci
Igreja Evangélica Assembleia de Deus do Retiro

CRÉDITOS

Bíblia 3.0 – Sociedade Bíblica do Brasil – SBB
Todos os Direitos Autorais são da Sociedade Bíblica do Brasil – SBB
Site: www.sbb.org.br

SBB - Rio de Janeiro:
Av. Brasil, 12.133 - CEP 21012-351 - Braz de Pina
Rua Buenos Aires, 135 – CEP 20070-020  - Centro 
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal